Skip to Store Area:

Simbólika

Tarô: Simbologia e Ocultismo - Vol 1

Tarô: Simbologia e Ocultismo - Vol 1

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$64,90
Acrescentar itens ao carrinho Adicionar ao Carrinho


Tarô: Simbologia e Ocultismo

Autor(es): Nei Naiff
Editora: Nova Era
Assunto: Tarot
ISBN: 8577013529
Idioma: Português
Tipo de Capa: Brochura
Edição:
Formato: 16 x 23 cm
Número de Páginas: 420

Sinopse
Nei Naiff, nome espiritual de Claudinei dos Santos, é tarólogo, astrólogo e escritor. Nascido sob a égide do signo de Escorpião e forte conjunção mística na sétima casa astral (Sol, Júpiter, Vênus, Netuno) – indicativo natural de arrebatamento ao mundo espiritual e ajuda ao próximo –, ele sempre afirma que o autoconhecimento é a única evolução.

Desde 1988, a larga experiência com aulas, palestras e consultas propicia uma ampla visão de vida, a qual serve de base a todos os livros que escreve. Por sua obra e trabalho teve a honra de ser o primeiro tarólogo sul-americano convidado a palestrar no 3º Congresso Mundial de Tarô, em 2001, em Chicago, EUA. Também produziu, em 2002, o 1º Congresso Brasileiro de Tarô, em São Paulo; em 2007, o 1º Encontro de Tarólogos, em Campina Grande e o 1º Fórum de Tarô e Simbologia, em São Paulo, em 2009. O profissionalismo foi atenção na mídia, Nei já participou dos programas Alternativa Saúde, Sem censura e De frente com Gabi, entre outros meios de comunicação.

A trilogia Estudos completos do tarô é o resultado de seus esforços em expor o valor estrutural do tarô e toda sua história, bem como a utilização de uma semântica contemporânea para o universo simbólico e oracular. Sua grande contribuição para o estudo dos arcanos se aplica no desenvolvimento de novos arcabouços (sintoma, caminho, atributo), na classificação básica dos tarôs (clássico, transcultural, fantasia) e na sistematização das diversas correntes de pensamento surgidas ao longo do século XX (simbologista, cabalista).

Neste primeiro volume, Nei Naiff esclarece que o tarô não surgiu no Egito, tampouco tem raízes ciganas, sendo fato histórico que apareceu pela primeira vez no período renascentista. Aos que desejam iniciar a trilha para se tornar tarólogo, ou tarotista, o autor afirma que não é necessário ser médium ou vidente para ler o tarô, basta estudar a simbologia e a estrutura dos arcanos – o tarô pode ser utilizado tanto para autoconhecimento quanto para adivinhação, orientação e meditação. Os primeiros passos desse estudo e da revolução do saber começam em Tarô, simbologia e ocultismo.

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.